O comitê formado por diversos membros e secretarias de Prefeitura de Araraquara deve decidir nas próximas horas questões importantes em relação a disseminação do novo coronavírus. Entre elas está a de transformar uma unidade de saúde em posto de atendimento exclusivo para suspeitos de infecção por covid-19.A ideia é ter um local preparado e com profissionais capacitados, como foi o “dengário” em 2019, para combater a epidemia de dengue.

O local escolhido, segundo apurado pelo Araraquara Agora, será a Upa da Vila Xavier. “É uma decisão coerente já que a UPA da Vila está em uma região fácil, tem condições de ser preparada e receber pacientes e a UPA Central pode ter sua equipe médica ampliada para suportar a demanda dos pacientes que precisam de atendimento normal”, disse o prefeito Edinho Silva.

Ainda não há um prazo para que isso aconteça já que na cidade não há confirmações de coronavírus. Segundo último levantamento eram 10 os casos suspeitos que aguardam resultado de exames. Preocupa o fato do único caso confirmado de São Carlos, um rapaz de 35 anos, ter passado o final de semana em Araraquara. Também há o registro de um paciente, com suspeita da doença, que passou por uma das UPAs de Araraquara e que hoje está internado no Hospital Estadual de Américo Brasiliense.

Leave a Reply