O mais recente relatório do Ministério da Saúde aponta que 60 mortes tiveram como causa, complicações decorrentes de infecção por coronavírus. É a maior alta diária já confirmada pelo ministro Luiz Henrique Mandetta, que comanda a pasta, desde o início da Pandemia. O número de casos confirmados também subiu e agora são 9.056. A taxa de letalidade subiu para 4%, a mais alta até agora. Ontem era 3,8%.

Ontem, no último relatório, já haviam sido confirmadas 58 mortes, era o recorde até então. Na quinta-feira (02) o país tinha 24 mortes e 7.910 confirmações.

São Paulo segue sendo o estado mais afetado com 219 mortes e 4.048 casos confirmados. 62,5 dos casos confirmados no país estão no Sudeste.

Para o ministro da Saúde, o país ainda não vive seu pior momento nessa epidemia. “O inverno é nosso maior pesadelo. Já temos epidemia de dengue, sarampo e agora chegando o corona. E como vamos conseguir resolver, notificando, analisando, é momento de calma, atenção, foco e  disciplina que assim vamos vencer a doença”, afirmou Mandetta.

Leave a Reply