Uma reunião no 6º andar da Prefeitura de Araraquara entre o prefeito Edinho Silva e representantes de vários setores econômicos da cidade discutiu alternativas para a reabertura do comércio, que pode ocorrer na próxima segunda-feira (11). 

Participaram o presidente da Acia (Associação Comercial e Industrial de Araraquara), José Janone Júnior; o presidente do Sincomércio (Sindicato do Comércio Varejista de Araraquara), Antônio Deliza Neto; o presidente do SinHoRes (Sindicato de Hotéis, Bares, Restaurantes e Similares de Araraquara), Fernando Pacchiarotti; e o superintendente do Shopping Jaraguá, Douglas Borges.

Edinho ouviu as demandas apresentadas pelos representantes do comércio em relação à quarentena, que é necessária para controlar a transmissão da Covid-19. O prefeito se solidarizou com os empresários e os trabalhadores, além de informar que uma possível flexibilização da quarentena seguirá as determinações do Governo do Estado e do Ministério Público.

“A situação de muitos empresários e trabalhadores é complicada por causa da queda nas vendas e nas receitas, o que já gerou inúmeras demissões. Porém, nossas ações de flexibilização da quarentena irão ser tomadas em sintonia com o Governo do Estado, que fará anúncio de novas medidas nesta sexta-feira, e também dialogando com o Ministério Público, diante das informações da saúde”, afirmou o prefeito.

Nesta sexta, o governador João Doria (PSDB) anunciará em entrevista coletiva como será a continuidade da quarentena no Estado de São Paulo — a atual termina no domingo (10). O estado será dividido em regiões, com possibilidade de flexibilização em alguns locais do interior com menor transmissão da doença e maior capacidade de atendimento médico.

“Nós estamos preparados para conter o avanço da Covid-19, com os novos leitos construídos no hospital de campanha e a testagem de todos os pacientes sintomáticos em parceria com a Unesp. Estamos estruturados para derrotar o coronavírus”, disse Edinho.

Também estiveram na reunião o vice-prefeito e secretário do Trabalho e do Desenvolvimento Econômico, Damiano Neto, e o diretor-presidente da Morada do Sol Turismo, Eventos e Participações, Manoel de Araújo Sobrinho.

1 comentário

  1. Tenho comercio e esses caras para mim nao me representam nao , eles podem representar os grandes empresarios, proprietarios de grandes estabelecimentos ou aqueles que tem um sobrenome de alguma elite araraquarense, nao sei porque o centro velho ,continua as moscas, com prostitutas, viciados em drogas , e marginais recem saido da cadeia ou penitenciaria , e eu nao vejo nenhuma benfeitoria no centro , como fizeram no boulevar ( acho ate engraçado pronuncia nome em frances ) enquanto que alguns lugares do centro que tem muitos micro empresarios resistentes ainda como no mercadão que e um espaço poderia ser bem mais trabalhado pela prefeitura , mas enfim pobre nao da ibope ne ! só da ibope e vitrine galã de tv e cantor sertanejo ,e esses caras querem e vitrine para quem sabe uma possivel apariçao no big brother de araraquara . e isso

Leave a Reply