Por Rian Fernandes

Com um total de aproximadamente R$ 2 bilhões, o Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), destinado para as campanhas dos partidos nas eleições de 2020, foi divulgado nesta quarta-feira (17) pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O valor total será distribuído para 33 legendas partidárias. 

Na lista do TSE, o Partido dos Trabalhadores (PT) será a legenda que receberá o maior valor, com um total de R$ 201.297.516,62. Logo em seguida está o Partido Social Liberal (PSL), que terá disponível para as eleições 2020 R$ 199.442.419,81. Os outros partidos que compõem o top 5 são MDB (PMDB), PP e PSD. A tabela com toda a distribuição pode ser consultada no site do TSE, clicando aqui.

Leia mais:

Araraquara confirma 8ª morte por coronavírus

Polícia Federal prende ex-assessor de Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz

Comércio de Araraquara passa a atender presencialmente por 4 horas diárias

Michele e mais 7: o drama de uma família contaminada pelo coronavírus

Da tabela, dois partidos comunicaram para a Justiça Eleitoral a decisão de abrir mão dos recursos do Fundo Especial de Financiamento de Campanha que financiará candidaturas dos candidatos a prefeito e vereador, sendo o Novo e o Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB). 

A divisão do valor considera os votos recebidos pelo partido e o número de parlamentares na Câmara dos Deputados e no Senado. Vale ressaltar que a distribuição também levou em conta senadores que foram eleitos em 2018, mas que deixaram as siglas. No caso de incorporação ou fusão dos partidos, os votos são contabilizados para a legenda incorporadora ou ao novo partido. 

 

 

Leave a Reply