Donos de autoescolas e seus funcionários fizeram uma manifestação nesta quarta-feira (22) exigindo a volta de suas atividades. O setor até agora não foi incluído no plano de flexibilização da quarentena, que em Araraquara já funciona diferente das recomendações do governo de São Paulo.

A concentração foi na Via Expressa, em frente ao Poupatempo. Os carros ficaram enfileirados diante da fachada do prédio, ocupando as vagas de estacionamento e pelo menos uma das faixas da rua. Agentes de Trânsito compareceram ao local para controlar o fluxo de veículos e evitar tumultos.

Além da retomada de funcionamento das autoescolas o setor precisa também que outros setores voltem a operar, como por exemplo o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-SP). Com isso seria possível a retomada das aulas práticas e o reinício das operações dos Centros de Formação de Condutores (CFC).

As autoescolas afirmam que têm condições de voltar a atender e apresentaram um protocolo de segurança que prevê atendimentos individualizados, higienização de veículos e espaços depois do uso de cada aluno, redução de turnos nos CFCs e a execução de medidas de distanciamento social.

Além disso, máscaras, álcool geral e outras medidas de segurança também estão inclusos nesse plano de retomada. O setor está paralisado há 4 meses.

 

Leave a Reply