Por Rian Fernandes

O corte no fornecimento de energia voltará a ocorrer no mês de agosto pela falta de pagamento em todo o território nacional, com exceção das pessoas que estão cadastradas na Tarifa Social (Baixa Renda), visto que elas estão isentadas da interrupção por inadimplência até o final do ano. De acordo com a CPFL Paulista, a data para a retomada dos rompimentos determinada pela ANEEL é 1º de agosto, sendo o primeiro dia útil, dia 3 de agosto. 

Sobre os pontos de luz que poderão ser cortados em Araraquara e região, assim como informações da inadimplência, a companhia esclareceu que “por ser uma empresa de capital aberto, a CPFL Energia e as empresas do grupo seguem a Instrução da CVM (Comissão de Valores Mobiliários) nº 358/2002, que caracteriza a exposição de resultados como um fato relevante e determina a adoção de uma política de divulgação. Diante disso, não é possível, neste momento, o fornecimento dos dados solicitados”. 

Para que os clientes regularizem as contas de energia, a CPFL Paulista divulgou um material que orienta as pessoas sobre as formas de normalizar a situação e evitar uma possível interrupção. Confira:

Pagamento via Auxílio Emergencial: O pagamento da conta de energia por meio do cartão de débito virtual para quem recebe o Auxílio Emergencial do governo federal foi incorporada às opções de pagamento da distribuidora em seu site e App “CPFL Energia” como mais uma comodidade aos clientes que querem manter suas faturas em dia.

Usando o cartão do Auxílio Emergencial, é possível quitar as faturas correntes ou até mesmo débitos vencidos no valor de no máximo R$ 1,2 mil. Por funcionar apenas na opção débito, não é possível que os valores sejam parcelados. Caso o cliente tenha interesse nessa função, ele pode optar por diversas outras modalidades de pagamento oferecidas também pelo site ou aplicativo da companhia.

Pagamento via PicPay: A CPFL realizou uma parceria com a empresa PicPay e os clientes que realizarem o pagamento da conta durante o mês de julho por meio desse APP, receberão 10% do valor da conta como bônus dentro do PicPay (com limite de até 15 reais).

Parcelamento de contas em atraso. Os clientes que estiverem com uma ou mais contas em atraso também podem pagar e parcelar o crédito em aberto em até doze vezes nos cartões de crédito Mastercard e Visa e também via boleto. Essa condição é exclusiva para pagamentos via canais digitais e é válida para um valor entre R$ 150 a R$ 18 mil em contas atrasadas.  

Canais Digitais: São mais de 30 opções disponíveis nos canais digitais da CPFL:  solicitar segunda via de conta, trocar titularidade, pedir religação do serviço e até enviar documentos e fotos. Basta acessar www.cpfl.com.br  ou baixar o aplicativo ‘CPFL Energia’ no smartphone ou tablet. A segunda via das faturas também pode ser solicitada por SMS, por meio do número que consta na fatura e os demais serviços podem ser realizados pelo Call Center de cada distribuidora do grupo CPFL.

Desde maio, todos os clientes da CPFL podem acessar o aplicativo para smartphones “CPFL Energia” com navegação gratuita, ou seja, sem gastar seu pacote de dados. O benefício, válido para todas as operadoras de telefonia Claro, Vivo, Oi e Tim, tem como objetivo facilitar o uso da tecnologia pelos clientes principalmente durante esse momento de isolamento social.

A empresa iniciou ainda, o atendimento via WhatsApp. Por meio do número (19) 3795-1705, os clientes podem comunicar falta de energia na sua residência, solicitar segunda via de conta, solicitar o código de barras e tirar dúvidas.   

 

Leave a Reply